Filhos do prefeito de Assaré são apontados como donos de posto que abastece carros da prefeitura

Denúncia ao MPCE

Vereador José Gonçalves (PR) é o autor da denúncia na Câmara Municipal (Foto: Prefeitura de Assaré)

O Ministério Público do Ceará deverá investigas algumas condutas do prefeito de Assaré, Evanderto Almeida (PSD).

Em outubro de 2017, uma denúncia apresentada pelo vereador José Dias Gonçalves (PR), acusa prática ilegal, na qual os filhos do prefeito seriam donos do posto de combustível vencedor da licitação para abastecer carros da prefeitura.

A licitação 2017.03.09.01 ocorreu em 31 de março de 2017 com o valor de R$ 632.269,55. A empresa em questão é a FG Comércio Varejista de Combustíveis LTDA ou Posto Dois Irmãos, que, segundo o vereador, são filhos de Evanderto.

Umas da bases da denúncia é um anexo demonstrando que, no CNPJ da empresa, o número fixo informado está no nome de Jacson Paiva Almeida.

Na denúncia apresentada à promotora Vandisa Maria, da comarca de Assaré, o vereador destaca que a licitação prevê a compra de diesel para os veículos lotados na Secretaria de Saúde do Município, sem que a pasta tenha carros que usem este tipo de combustível, “uma operação simplesmente para emissão de notas”, diz o parlamentar.

tellhco.com

Desdobramentos
Em maio deste ano, mais documentos foram anexados à denúncia. Trata-se de outras três licitações para compra de combustível vencidas pela mesma empresa em março, junho e dezembro de 2017, com o valor total licitado de R$ 5 milhões.

Sobre estas licitações, o vereador afirma que o Ministério Público do Ceará pediu cópia dos documentos para averiguação.

Outro lado
O Miséria tentou contato via telefone com o prefeito Evanderto e seu filho Jacson Almeida, mas não houve resposta. Mensagens via aplicativo foram enviadas a Jacson, mas não tiveram retorno até o fechamento da matéria.

Fonte Site Miséria
Texto Felipe Azevedo/ Agência Miséria

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.