Encontrada morta na cadeia de Crato mulher que matou agricultor a facadas segunda-feira

Morte no Cariri

Antonia estava recolhida ao presídio feminino em Crato (Foto: Reprodução)

O corpo de uma mulher que estava reclusa no presídio feminino de Crato foi encontrado na tarde desta quinta-feira numa das celas daquela unidade prisional. A jovem Antonia Carma Rodrigues de Lima tinha 27 anos e morava no Sítio Conceição na zona rural de Carius, onde, na última segunda-feira, matou um homem a golpes de faca. Existem evidências que a mesma tenha praticado suicídio por enforcamento e o cadáver foi recolhido para ser necropsiado na Perícia Forense de Juazeiro.

Ela matou a facadas o agricultor Maurílio Barbosa Rodrigues, de 47 anos, no momento em que este foi socorrer o também agricultor e seu vizinho Francisco Barbosa de Oliveira, de 57 anos. Este último estava sendo esfaqueado por sua enteada Antonia Carma, que é doente mental e, supostamente, tinha surtado na hora em que decidiu atacar o padrasto.

Quando Maurílio se apresentou para defendê-lo, Antonia voltou-se na direção dele e desfechou alguns golpes que causaram sua morte. Uma patrulha do Destacamento Militar de Cariús esteve no local e os PMs tomaram conhecimento que a acusada tinha saído há três dias de uma internação em Maracanaú. Após o crime na segunda-feira, moradores do Sítio Conceição tentaram agredir Antonia a qual foi levada à delegacia e recambiada para o presídio feminino em Crato.




Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais