Após assaltos em Missão Velha, dupla troca tiros com a PM e um foi preso

Troca de tiros

Moto que tinha sido roubada nesta quinta-feira pela dupla e foi recuperada pela Polícia Militar (Reprodução)

Uma série de assaltos, perseguição, confronto com policiais militares, troca de tiros, dois revólveres apreendidos, uma moto recuperada e um acusado preso. Tudo isso aconteceu no final da manhã desta quinta-feira no município de Missão Velha na região do Cariri. A ação policial foi motivada a partir do recebimento de informações que dois homens armados tinham roubado uma moto Honda Bros no Sítio Riacho Seco e saíram pelo caminho praticando novos assaltos.

Duas viaturas comandadas pelo Subtenente Edson saíram à procura dos acusados encontrando-os no Sítio Banco de Areia. Houve perseguição e troca de tiros quando caíram da moto e um deles fugiu pelo matagal, enquanto Paulo Henrique Pereira da Silva, de 29 anos, residente na Avenida Perimetral Leste (Cirolândia) em Barbalha, foi preso. Além da moto recuperada, quatro celulares, um relógio, R$ 335,00 em dinheiro e apreendidos um revólver calibre 38 e uma pistola calibre 380 a exemplo de munições intactas e deflagradas.

Uma das primeiras prisões de Paulo Henrique foi no dia 4 de fevereiro de 2013 quando se fazia acompanhar de José Maciel de Sousa Silva, então com 20 anos, residente no bairro Bela Vista. Os dois estavam armados e com uma sacola cheia de mercadorias roubadas meia hora antes numa loja no bairro Pio XII em Juazeiro. As prisões ocorreram na Avenida Paulo Marques no Parque Bulandeira em Barbalha. Além disso, a moto em que trafegavam tinha sido roubada dias antes em Barbalha.

Foto: Divulgação PM

Já no dia 11 de fevereiro de 2014 essa mesma dupla foi presa após assaltos em Barbalha, Jardim e Missão Velha. Na perseguição, atiraram nos policiais que revidaram e, dessa vez, ambos saíram baleados. Na época, Paulo Henrique disse que morava na Rua São Paulo no centro de Juazeiro. Após os assaltos, a dupla foi localizada perto da Indústria de Cimento na CE-060 quando iniciou a perseguição seguida da troca de tiros já na saída para Missão Velha. Da mesma forma, a moto tinha sido roubada.

Em dezembro de 2017 Paulo Henrique voltou a ser preso após assaltar uma garota em Missão Velha. Já no dia 20 de junho de 2018 ele foi um dos 22 fugitivos da Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC) de Juazeiro, porém logo recapturado junto com outros 14 internos. A fuga se deu por um túnel cavado a partir de uma área subutilizada da penitenciária na qual até já tinha sido descobertos anteriormente princípios de escavações.




Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais