Acusado do tráfico de drogas em Juazeiro é morto a tiros dias após deixar a prisão

Homicídio em Juazeiro

Crime aconteceu perto da casa de Felipe na Rua Farias Brito no bairro João Cabral.

Três dias depois e um novo homicídio foi registrado em Juazeiro do Norte se constituindo no segundo do mês de maio e o 56º do ano no município. Por volta das 23 horas deste sábado o ex-presidiário Felipe Oliveira da Silva, de 22 anos, que residia na Rua Farias Brito (João Cabral), foi morto a tiros perto de sua casa. O crime foi praticado por quatro homens que fugiram em duas motos e não foram localizados nas diligencias feitas por policiais militares. Recentemente, ele deixou a cadeia pública de Juazeiro.

No dia 9 de outubro de 2018 Felipe foi preso pilotando uma moto roubada pela Rua Virgínia de Mendonça no bairro João Cabral. Ele tinha em seu poder um papelote de cocaína e disse que tinha comprado o veículo sem saber que era roubado, passando a responder por receptação. Já no dia 19 de maio de 2019 voltou a ser preso na Rua Pio Norões do mesmo bairro com dois adolescentes estando com quatro trouxinhas de cocaína e R$ 290,00 em dinheiro.

O último homicídio em Juazeiro tinha acontecido na última quarta-feira (06) quando Ivan da Silva dos Santos, de 23 anos, que residia na Rua Arsênio Sobreira (Timbaúbas), morreu no Hospital Regional do Cariri. Na noite anterior, ele tinha sido baleado no cruzamento das ruas Arsênio Sobreira e Rui Barbosa naquele bairro. Ivan era testemunha de um homicídio e respondia procedimentos por crimes de trânsito, resistência à prisão e receptação.




Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais