Jovem de Caririaçu dopa a mulher para agredir e ainda divulga nas redes sociais

Violência contra a mulher

Foto: Reprodução/WhatsApp

“Isso é o que eu fiz com a minha esposa dopei ela agredi depois dela ter me ajudado todo esse tempo, fora a dívida que deixei no nome dela”. Tal informação foi postada pelo vendedor de Caririaçu identificado pelo apelido de “Keko Jóias” na sua conta registrada no Instagram a qual já apagou na manhã desta quinta-feira. Na postagem publica vídeos e uma foto à frente da companheira Sabrina Barbosa de Almeida, de 27 anos, residente em Caririaçu, mostrando-a mórbida na cama

O crime aconteceu no Rio Grande do Norte, onde ele se encontra internado, e veio parar na Delegacia Municipal de Polícia Civil de Caririaçu. Na manhã de hoje a vítima compareceu à presença da delegada, Vanini Galiza, acompanhada de sua advogada Valdizia Bernardino. Na oportunidade, fez um relato de tudo que lembrava em relação ao ocorrido em terras potiguares.

No que tinha postado no Instagram, “Keko Jóias” publica vídeos demonstrando estar bastante entorpecido e afirmando repetidamente: “briga de marido e mulher ninguém mete a colher”. O aparelho sonoro em alto volume pode ter sido, propositadamente, para que ninguém ouvisse algo. Ele foi mais além nas publicações exibindo fotos de Sabrina nas quais mostram hematomas e lesões corporais.

Além disso, um documento apontando “declaração de dívida” num valor superior a R$ 36 mil em nome de Sabrina junto a uma empresa que funciona na Rua Farias Brito (Romeirão) em Juazeiro. Certamente, as ajudas a que se refere “Keko Jóias” prestadas por sua companheira conforme o que publicou no Instagram. VEJA UM PRINT feito quando o mesmo ainda estava no ar.




Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais