Ladrão em Juazeiro do Norte fica preso à grade durante furto

Furto trapalhão

João Ederson já tem várias passagens pela polícia (Reprodução/Redes sociais)

Um crime para ser esquecido na vida pregressa do jovem João Ederson Silva dos Santos, de 30 anos, apelidado por “Gugu”. Na tarde desta terça-feira ele adentrou uma casa que está sendo reformada na Rua Santa Cecília (Salesianos) em Juazeiro do Norte para a prática de um furto. O problema é que alguém notou e acionou à polícia quando, imediatamente, uma equipe do motopatrulhamento chegou ao local.

Ao ver os PMs João Ederson tratou de se refugiar dentro do imóvel e, logo depois, procurou despistá-los por um dos cômodos indo na direção da janela. Entretanto, o acusado se deu mal já que na pressa em fugir por uma janela ficou enganchado na grade de ferro. Com isso, teve que pedir a ajuda dos policiais por estar sufocado e reclamando de dores no abdominais.

Ele mora na Rua José Alencar perto do cruzamento com a Avenida Aracaju (Romeirão) e só foi tirado da grade com a chegada de militares do Corpo de Bombeiros que serraram a mesma. “Gugu” parecia estar sob o efeito de substâncias entorpecentes e fez questão de agradecer aos policiais enquanto era levado à 20ª Delegacia Regional de Polícia Civil para autuação em flagrante por furto qualificado.

O acusado já tem várias passagens pela polícia e uma de suas primeiras prisões foi em agosto de 2007 com uma arma de fogo e acompanhado de Alexandro da Silva. Em junho de 2013 foi preso com drogas, enquanto em janeiro de 2014 praticou furto com mais três comparsas tendo como vítima Reginaldo Martins da Silva. Em agosto daquele ano tentou matar Pedro Arruda Silva e, em novembro de 2018, outro crime de lesão corporal contra Willamys Fernandes de Figueiredo.




Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais