Corpo de professora de Potengi é encontrado dentro da própria casa

Cadáver no Cariri

Edna morava no centro de Potengi. - Foto: Reprodução/ Redes Sociais

O corpo da professora da rede municipal de ensino de Potengi, Edna Guedes Venâncio, de 49 anos, foi encontrado por volta das 9 horas desta segunda-feira. O cadáver estava na cama do seu quarto vestido apenas num sutiã e calcinha já em avançado estado de decomposição e putrefeito.

Ela morava sozinha na Rua Manoel Monteiro perto da unidade policial de Potengi no centro da cidade. Após cinco dias sem conseguir contatos com a mãe, sua filha foi ao imóvel e convocou um chaveiro após chamar pelo nome e bater à porta sem resposta. Ao adentar a casa se deparou com a mãe morta.

Segundo informações obtidas ela reportagem do Site Miséria, era uma mulher depressiva que estava licenciada da atividade. Uma patrulha do Destacamento de Potengi esteve no local a exemplo do rabecão que recolheu o corpo a fim de ser necropsiado na Pefoce de Juazeiro e identificar a causa da morte.




Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais