Homem foi morto a tiros num bar em Potengi durante bebedeira e discussão

Homicídio no Cariri

Homem foi morto a tiros num bar em Potengi durante bebedeira e discussão (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

Um mês e dez dias depois um novo homicídio foi registrado na zona rural de Potengi. Por volta das 22 horas o agricultor Antonio José da Cruz, de 27 anos, que residia no Sítio Carcará a uma distância média de 15 Km para o centro, foi morto com um tiro no pescoço. O acusado do crime foi o também agricultor e morador da localidade, Cleilton Fernandes da Silva, de 21 anos, que fugiu e não foi localizado nas diligências feitas pelos Soldados Brito, P. Rodrigues e Fernando Neto.

Os policiais souberam que os dois estavam ingerindo bebidas alcoólicas num bar do Sítio Carcará quando passaram a discutir. Em dado momento, Cleilton sacou uma arma de fogo e efetuou o disparo que causou a morte do colega de farra. Segundo a polícia, nenhum respondia procedimento criminal e tinham chegado recentemente do Paraná, onde trabalhavam no cultivo da mandioca.

Foi o primeiro homicídio de outubro em Potengi e o terceiro de 2019 no município ou um a mais na comparação com o ano passado. Os outros dois deste ano tinham ocorrido na madrugada de 16 de setembro quando Antonio Rogério Moura Alves, de 26, que residia na Vila Campos em Potengi, e seu enteado Victor Daniel de Souza Laurentino, de 21 anos, foram mortos a facadas. Eles participaram de festa no Bar da Dona Mimoça na estrada do Brejo na saída de Potengi e os autores do crime seriam “Tôca” e “Junior”.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais