Preso dono de frigorífico que matou mulher a facadas em Milagres

Facadas no Cariri

“Chico Narciso” matou sua mulher Francisca Aciza há 22 anos ano MIlagres (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Um homem acusado de crime de feminicídio ocorrido há 22 anos no município de Milagres na região do Cariri foi preso na manhã desta segunda-feira em São Paulo. Policiais militares daquele estado e do Ceará prenderam o magarefe Francisco Antonio do Nascimento, de 57 anos, que estava refugiado numa vila situada num dos bairros periféricos da capital paulista. Ele não esboçou qualquer reação e lhe foi apresentado o mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Milagres.

“Chico Narciso” – como é conhecido em Milagres – era dono de um frigorífico no centro da cidade e matou sua companheira Francisca Aciza da Silva que, na época, tinha 30 anos de idade, com quatro facadas supostamente enquanto esta dormia na residência do casal no Conjunto Cohab. O crime aconteceu na madrugada do dia 2 de março de 1997 e obteve grande repercussão em todo a região do Cariri.

Por conta do assassinato, Chico passou a responder Ação Penal de Competência do Júri por homicídio qualificado protocolada no dia 31 de março na Comarca de Milagres. Segundo o Major L. Rodrigues, Comandante da Companhia Militar de Brejo Santo, o mesmo estava foragido desde a época do crime e a polícia vinha averiguando no sentido de descobrir o seu paradeiro.

A denúncia feita pelo Ministério Público de Milagres cita que Chico costumava espancar sua companheira a qual, de acordo com testemunhas, era uma mulher direita enquanto ele tinha uma vida marcada pela boemia. No último dia 10 de agosto de 2012 a Comarca de Milagres suspendeu o processo por conta de ser um réu revel e este terminou citado por edital, ficando no aguardo de sua captura o que aconteceu nesta manhã de segunda-feira.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais