Acusado de crimes em vários estados é preso em Juazeiro e tenta subornar a polícia com R$ 50 mil

Alta periculosidade

“Ferrugem” é considerado homem de alta periculosidade (Foto: Reprodução/ Redes sociais)

Um homem acusado de crimes nos estados da Paraíba, São Paulo e Rondônia e considerado de alta periculosidade foi preso na tarde desta quinta-feira por policiais civis do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas da 20ª DRPC de Juazeiro do Norte. Francisco Vieira Barros, de 49 anos, é paraibano e apelidado por “Véi”, “Ferrugem” e “Solon”. O mesmo estava refugiado no bairro Triângulo e tentou subornar a polícia oferecendo R$ 50 mil para não ser recambiado à cadeia pública de Juazeiro.

Segundo os investigadores, trata-se de um foragido da justiça desses três estados da federação e possui contra si mandados para responder por crimes de tráfico de drogas, homicídio e organização criminosa. Inclusive, “Ferrugem” conseguiu fugir do presídio Rondônia e a acusação sobre a venda de drogas é tipificada como tráfico interestadual devido às ligações do acusado em diversos estados brasileiros. Em 2014 ele foi preso por agentes da Delegacia de Narcóticos da Polícia Federal de Porto Velho (RO).

No momento da abordagem, “Ferrugem” não esboçou qualquer tipo de reação. A princípio, apresentou documento falso e, após a descoberta, ele ofereceu o dinheiro para não ser preso. Na Delegacia de Juazeiro, foi autuado em flagrante por crimes de falsidade ideológica, corrupção ativa e posse de arma de fogo já que tinha um revólver em seu poder. Por oportuno, a Polícia Civil pede a população para denunciar crimes ou autores por meio do WhatsApp (99997.7275) sendo garantido o sigilo da fonte.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais