“Soró” foi assassinado esta noite em Várzea Alegre após sofrer dois atentados à bala

Homicídio no Cariri

“Soro” foi assassinado esta noite em Várzea Alegre após sofrer dois atentados à bala (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

Um homicídio foi registrado na noite deste sábado em Várzea Alegre se constituindo no primeiro deste mês de junho na região do Cariri. Por volta das 19 horas, nas imediações do Bar Caju Azedo no Sítio Cachoeira Dantas na zona rural daquele município, Ronaldo Barros do Nascimento, de 39 anos, que era apelidado por “Soró” foi lesionado com um tiro no abdômen supostamente de arma artesanal. Ele ainda foi socorrido pelo SAMU ao Hospital São Raimundo, mas não resistiu.

Segundo a polícia, “Soró” era usuário de drogas e respondia procedimentos por tentativa de homicídio, formação de quadrilha, porte ilegal de arma de fogo e já tinha sido vítima de dois atentados à bala, sendo um deles em Iguatu. A polícia não conseguiu informações sobre a autoria do crime e, mesmo assim, duas patrulhas da companhia militar diligenciaram sem o êxito de localizar os acusados que, provavelmente, fugiram numa moto.

Este foi o primeiro homicídio deste ano em Várzea Alegre, onde dez pessoas foram assassinadas no decorrer do ano passado. O último tinha acontecido no dia 11 de novembro quando o adolescente Paulo Henrique Alves Pajé, de 17 anos, o “Paulinho”, foi executado a tiros na cabeça quando passava na Rua Bernardo Duarte Pinheiro do bairro Patos. Ele já tinha sido interno do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo por conta de atos infracionais.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. AceitarSaiba mais