De ontem para hoje 12 homicídios foram registrados somente em Juazeiro do Norte

Carnificina em Juazeiro

Duplo homicídio aconteceu por volta das 22h30min no bairro São José (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

Além da morte pela manhã do jovem Pedro Neto, vítima de homicídio por espancamento, e do achado de um cadáver carbonizado ao meio dia no bairro São José que seria de Luiz Lohansverson Soares, de 15 anos, outros dez assassinatos à bala foram registrados entre às 22 horas de ontem e as 7 da manhã desta sexta-feira em Juazeiro do Norte. Com os dez homicídios das últimas horas chega a 13 o número de assassinatos neste mês de agosto e um total de 68 durante o ano no município.

Quanto aos homicídios das últimas horas, foram dois no bairro Triângulo, outros dois no São José, mais dois no Salesianos e os demais nos bairros João Cabral, Frei Damião, Romeirão e Santa Tereza. A matança começou às 21h44min, na Rua Beata Maria de Araújo (João Cabral), onde três mulheres foram lesionadas à bala e socorridas ao Hospital Regional do Cariri. No HRC morreu Maria dos Santos Rocha, de 51 anos, que residia naquela rua e seguem internadas Luciana S. S., de 29, e Antônia A de M. Silva, de 59 anos.

Apenas seis minutos depois, na Rua Anita Neves Lima Couto (Frei Damião) foi morta a tiros Maria Viera de Souza, de 54 anos, que ali residia. Dois homens chegaram numa moto e entraram em sua casa quando efetuaram os disparos. Existem suspeitas que o próprio companheiro dela seja um dos autores do crime e a polícia prendeu o mesmo no caso João J de Souza, de 67 anos, que não tinha passagens pela polícia.

Por volta das 22 horas, já na Rua Manoel Cassimiro, 766 (Bairro Triangulo), foi executado a tiros Francisco Gonçalves Vieira, de 29 anos. Dois homens chegaram em uma moto e invadiram sua casa atirando quando Francisco ainda tentou se refugiar em vão. A vítima respondia procedimento por crime de receptação e possuía um mandado de prisão em aberto.

Meia hora depois, na Rua Cantora Socorro Aguiar (São José) dois jovens que trafegavam numa moto vermelha foram mortos a tiros por dois homens que se aproximaram noutra moto atirando. No local, morreram Francisco Damião Nascimento de Souza, de 20 anos, que respondia por assaltos, e Raniel Victor da Silva Matos, de 16 anos, que morava na Rua João Dias de Oliveira, 5107 (São José).

Já às 23 horas, porém no cruzamento das ruas Apolo XI e Monsenhor Lima (Bairro Salesianos) foi morto a tiros Paulo César Januário Ferreira, de 38 anos, que era conhecido como “Paulo Magão” e residia na Rua Apolo XI, 205 (Salesianos). Segundo testemunhas, dois homens se aproximaram do mesmo numa moto de cor preta e já foram atirando. A vítima respondia procedimento por crime de trânsito.

No mesmo horário e ainda naquele bairro, todavia na Rua Delmiro Gouveia, 1348 foi executado a tiros Antenor Silva Santos, de 19 anos, que era apelidado por “Tenorzim”. Quatro homens encapuzados chegaram em duas motos e adentraram sua residência atirando em mais um caso de execução sumária . Ele respondia procedimento por crime de lesão corporal.

Perto de 01h20min já na madrugada desta sexta-feira, na Rua Manoel Cassimiro (Triângulo) foi morto a tiros João Pedro de Oliveira, de 17 anos, que residia na Rua Agricultor Damião Quirino da Silva, 377 (Frei Damião) por dois homens numa moto que passaram atirando. Cerca de meia hora depois, na Avenida Paraná (Romeirão) foi morto a tiros Miguel Bernardo Nascimento, de 18 anos, que residia na Rua José Apolinário, 4 (João Cabral). Dois homens numa moto passaram atirando e o mataram.

Por volta das 06h30min, na Rua Delmiro Gouveia imediações do Hiper Bompreço (Santa Tereza), foi encontrado crivado de balas o corpo do flanelinha Paulo Sérgio Lopes da Silva, de 36 anos, que era conhecido como Paulinho e residia na Rua Iderval Ramos Pedrosa, 349 (São José). O mesmo trabalhava no semáforo em frente ao Cariri Garden Shopping e era usuário de drogas.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.