Pizzaiolo foi morto a tiros na cabeça ao lado do Parque de Vaquejadas de Juazeiro

Homicídio em Juazeiro

Elon foi executado a tiros ao lado do Parque de Vaquejadas de Juazeiro (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Quase duas semanas depois um novo homicídio foi registrado em Juazeiro do Norte se constituindo no segundo do mês de julho no Cariri já que na última segunda-feira um jovem de 28 anos foi executado com 25 tiros em Aurora. Por volta das 12h30min desta quarta-feira o pizzaiolo Francisco Elon de Souza Moreira, de 30 anos, foi executado a tiros no cruzamento das ruas Paizinho Sabiá e Carlos Alberto Alves Quirino ao lado do Parque de Eventos na véspera da abertura da 42ª Vaquejada Padre Cícero.

Ele residia na Rua Coronel Nery, 51 (Pio XII) em Juazeiro e trabalhava numa pizzaria na Avenida Castelo Branco no bairro Tiradentes. Segundo o perito Raimundo Pequeno, Elon foi lesionado com quatro tiros, sendo dois na cabeça e dois nas costas. Testemunhas disseram à polícia que os disparos foram efetuados por dois homens que fugiram numa moto de cor preta. A vítima respondia procedimentos por porte ilegal de arma de fogo e outro que tramitava em segredo de justiça na Comarca de Juazeiro.

Este foi o primeiro homicídio do mês de julho em Juazeiro e o 52º do ano no município. O último tinha ocorrido no dia 21 de junho quando o detento Antonio Alex Macedo Pinheiro, de 24 anos, que residia em Quixadá, foi decapitado com “cossocos” durante princípio de motim numa das celas da Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC) de Juazeiro. Ele respondia pela prática de três homicídios em Quixadá.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.