Padre desvia R$ 400 mil de paróquia para gastar com homens que ele conheceu em aplicativo

Preso

Padre Joseph McLoone (Foto: Divulgação/Chester County District Attorney’s Office)

Um padre católico foi preso na Filadélfia, nos EUA, acusado desviar o equivalente a R$ 400 mil da sua paróquia para usar com homens que ele havia conhecido no aplicativo de paquera Grindr, entre outros gastos ilícitos.

Joseph McLoone, de 56 anos, comandava desde 2010 a paróquia em Downingtown, Pensilvânia, EUA. Um ano atrás, ele começou a levantar suspeita de desvio.

A investigação descobriu que o reverendo Joseph abriu uma conta secreta à qual transferia valores destinados em doações à paróquia, de acordo com reportagem da “Philadelphia Magazine”.

Com o dinheiro, o padre pagou jantares caros, viagens e até o aluguel de uma casa de veraneio em Ocean City (Nova Jersey, EUA). Além disso, por meio de pagamentos on-line, ele transferiu dinheiro aos homens que conheceu no Grindr. Um deles era um presidiário.

O dinheiro desviado era oriundo de doações pela celebração de casamentos, funerais e missas em homenagem a falecidos.

Fonte Extra Site Miséria

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais