Vereadores de Missão Velha decidirão cassação de Diego Feitosa nesta segunda, 14

Após denúncia

Diego Feitosa (MDB), prefeito de Missão Velha (Foto: Reprodução/ Redes sociais)

Após quatro meses de trâmite, a Câmara de Municipal de Missão Velha decide nesta segunda-feira (14), em sessão extraordinária às 17h30, sobre a cassação do prefeito Diego Feitosa (MDB). Diego enfrenta denúncia desde o dia 29 de junho por ter pedido crédito suplementar de R$ 55 milhões sem autorização do Legislativo.

A acusação foi apresentada por Cícero Vágner de Lima Ferreira, natural de Jamacaru, e aceita por 7 votos. Ele argumenta que o prefeito também gastou no ano passado cerca de R$ 78,8 milhões, quando o autorizado pelos vereadores foi de cerca de R$ 74,1 milhões.

Caso o prefeito consiga fortalecer a base, os votos para seu afastamento provisório por 120 dias não existirão, o que barra as possibilidades de cassação do mandato. Para o afastamento são necessários 9 votos, informações de bastidores apontam que a oposição teria apenas 7 votos, o que deverá manter Diego no cargo.

A versão da gestão é que o processo ocorre como uma motivação política movida pelo vice-prefeito, com quem rompeu ainda no início do mandato.

Fonte Site Miséria
Texto Felipe Azevedo

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais