Polícia Civil já sabe quem matou cobrador Missãovelhense em Delmiro Gouveia

A Polícia Civil (PC/AL) já sabe quem assassinou o cobrador de prestações Thiago de Souza Oliveira, 35, que foi rendido dentro de casa e morto a tiros durante um assalto, ocorrido na noite deste sábado (15), na Rua Adolfo Santos, no bairro Campo Grande, em Delmiro Gouveia.

A informação sobre a identicação dos dois suspeitos de praticarem o crime foi repassada pelo chefe de operações da Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP), Carlos Ângelo, durante entrevista à rádio Correio FM, na manhã desta segundafeira (17).

O policial não divulgou os nomes dos suspeitos e nem deu mais detalhes sobre o caso para não atrapalhar a investigação, mas adiantou que, em breve, a população vai tomar conhecimento.

O crime

O cearense, do município de Missão Velha, trabalhava como cobrador de prestações, mas, segundo testemunhas, estava em casa no momento em que foi abordado pelo passageiro de uma moto Honda CG, de cor
vermelha e placa não anotada, que anunciou o assalto.

Thiago teria tentado conter o assaltante e foi baleado na cabeça e na região abdominal. O criminoso e o comparsa dele fugiram, sem ser
identicados. Eles teriam levado dinheiro e outros pertences do cobrador.

A vítima ainda foi levada com vida para o Hospital e Maternidade Dr. Antenor Serpa, mas, pouco tempo depois de dar entrada na unidade de saúde, não resistiu aos ferimentos.

Guarnições do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), sediado no município, realizaram buscas para tentar prender o assassino, mas não obteve êxito.

O caso está sendo investigado pelo delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti, titular da Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP), sediada na cidade.

Com informações Correio Noticia

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. AceitarSaiba mais