Capitais começam a suspender vacinação por falta de doses; veja lista

Filas são encerradas em posto para vacinação de idosos na Arena Fonte Nova, em Salvador — Foto: Reprodução/TV Bahia

Salvador e Cuiabá foram as primeiras capitais a interromper a vacinação contra o novo coronavírus, nesta terça-feira (16). Nos dois casos, a suspensão foi na primeira dose. A segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira dose.

A cidade do Rio informou que deixará de vacinar a partir desta quarta-feira (17). A prefeitura de Curitiba anunciou que a campanha de vacinação segue até sexta-feira (19) na cidade. Em Florianópolis e em Fortaleza, as doses também estão acabando (veja lista abaixo).

Nesta quarta (17), governadores cobrarão o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, sobre a necessidade de um calendário que assegure a entrega de vacinas aos estados.

Leia também

Dois deles estão na capital; confira lista…

À beira do colapso: Bahia tem 9 hospitais com taxa de ocupação para…

Entidades representativas também protestaram. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) pediu a demissão de Pazuello em razão da suspensão de vacinação em cidades brasileiras. A Frente Nacional de Prefeitos questionou o Ministério da Saúde sobre a necessidade de um cronograma de imunização.

Questionado sobre as declarações das entidades, o Ministério da Saúde disse que tem trabalhado, junto com seus “dirigentes e corpo técnico”, “diuturnamente para dar a melhor resposta à sociedade”.

Capitais que suspenderam a vacinação ou que têm data para suspender:
Cuiabá: suspendeu a primeira dose nesta terça (16). Segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira dose.
Salvador: suspendeu a primeira dose nesta terça (16). Segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira dose.
Rio de Janeiro: suspenderá a primeira dose na quarta (17). Segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira dose.
Porto Alegre: deve suspender a vacinação na quinta (18). Segunda dose está assegurada para quem já recebeu a primeira dose.
Capitais que informaram ter poucas doses de vacina:
Curitiba: informou que suspenderá vacinação após a sexta-feira (19) caso não receba novas doses
Florianópolis: informou que vacina pode acabar nos “próximos dias”
Fortaleza: pelo ritmo de vacinação, estoques para a primeira dose acabarão em 4 dias




Fonte G1

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais