O poder de uma Marca!

Iniciante

João pensou em abrir uma padaria que venderia tortas de maçã, pois João sabia que estas são as melhores, vendo a importância da internet ele percebeu que sua padaria deveria está presente nas redes sociais de forma que seus futuros clientes percebessem o seu negócio e fizesse seu negócio decolar até a lua, talvez foi de lá a queda.

João ignorou o conselho de seu amigo de contratar alguém que realmente entendesse disso tudo e fez ele mesmo, pois ele via que era muito fácil fazer tudo isso, afinal ele mesmo poderia criar um facebook, e no final seria um gasto a mais…

Como alguns de vocês já podem imaginar, o negócio de nosso amigo fictício João não decolou até a lua, na verdade ele subiu uns 30 ou 40 centímetros antes de cair fatalmente. Isso porque João ignorou a importância de se ter uma marca forte e bem estabilizada no mercado, na verdade o João foi imprudente pois ele não levou em conta que o mercado está cada vez mais exigente, e que ele precisa se atualizar disto.

Quando pensamos ouvimos sobre desenvolver uma marca forte e atrativa aos olhos dos clientes e do público em geral, muitas vezes somos fatalmente tentados a lembrar e resumir tudo na imagem do logotipo que nos vem a mente, quando por exemplo falo da maior marca de smartphones do planeta … Apple! Quase que instantaneamente vem em nossa mente a famosa maça.

Mas porque isso acontece? Somos muito mal-educados em relação a marcas e gestão em geral (graças ao bom pai, agora você tem esse meio para se informar de verdade, “Risos”), o fato é que nossa visão sobre o mercado como um todo ainda é limitada e muito arcaica de certa forma, porém com o avanço da internet as pequenas empresas estão ganhando cada vez mais força e isso tem levado muitos empreendedores e profissionais autônomos em geral a buscarem entender como fazer isso na prática.

Primeiro ponto que devemos esclarecer aqui é que quando se trata de criar uma marca forte na internet ou fora dela não se deve começar jamais pelo seu logotipo, sei que nesse momento eu já desapontei cerca de 70% de vocês que estão lendo, mas calma, falo isso pelo simples fato de que seu logotipo deve representar sua história como valores, visão e capacidades ÚNICAS, portanto não se pode desenvolver um logotipo sem antes

entender todos os pontos que o compõem, pelo menos não um que represente de fato uma marca forte.

Saiba primeiro de onde você veio, busque sua história desde o início, de onde surgiu a ideia e depois as dificuldades e tudo mais que só você sabe que passou pra chegar até aqui, ou se você está começando agora, imagine, se possível escreva, o que está te motivando, quais os problemas e qual sua visão para o futuro, com isso em mente você vai aos poucos ter uma visão mais clara de sua real marca e como pode começar a expor ela para o público em geral.

Para que esse artigo não se torne grande demais, quero deixar aqui só mais duas dicas, a primeira é que você deve buscar ter um mindset (modo de pensar) empreendedor, para que assim leve de verdade a sério o seu negócio, colocando acima de tudo o bem-estar de seus clientes e colaboradores, o segundo ponto que ressalto é de que independente do estágio que você esteja poderá sempre melhorar e aperfeiçoar seus métodos.

O mundo muda cada vez mais rápido, todo o mercado reage muito rápido e de forma brusca a cada movimento, você está aqui maciçamente (da forma CORRETA) vai te dar armas maiores para consegui travar essas lutas com mais força, no mais, Be Strong, Seja Forte

Texto Junior Napoleão

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais