Ceará demite Adílson Batista após ser goleado pelo Flamengo no Rio

Técnico

Adilson Batista (Foto: Israel Simonton /cearasc.com)

A derrota do Ceará para o Flamengo, por 4 a 1, no Maracanã nesta quarta-feira à noite custou o cargo do técnico Adílson Batista. Ele foi demitido após o jogo e a direção fez um comunicado lacônico no perfil no Twitter do clube para oficializar a decisão. A expectativa é pela chegada rápida de um substituto, com Lisca, que salvou o time do rebaixamento em 2018, sendo um dos nomes aventados.

“Informamos: Adílson Batista não é mais treinador do Ceará. A diretoria alvinegra agradece pelos serviços prestados e deseja sucesso em sua trajetória. Os auxiliares técnicos Cyro Garcia e Milton do Ó também deixam suas funções no Ceará”, anunciou o clube.

A derrota deixou o Ceará sob risco de retornar à zona de rebaixamento ao final da 35ª rodada. Com 37 pontos, em 16.º lugar, o time pode ser ultrapassado pelo Cruzeiro, com 36, e que nesta quinta-feira recebe no Mineirão o quase rebaixado CSA.

Adílson chegou ao clube no início de outubro, para substituir a Enderson Moreira. Até conseguiu alguns bons resultados, dando a falsa impressão de que poderia manter o time na elite. Mas a situação mudou. Em 13 jogos, conquistou apenas quatro vitórias, com dois empates e sete derrotas. Um aproveitamento de 35,9%.

Agora restam apenas três jogos para o time evitar sua volta à Série B. No sábado, vai atuar no Castelão, às 19 horas, o Athletico-PR. Depois, recebe o Corinthians, também em Fortaleza, e fecha a temporada contra o Botafogo, no Rio.




Fonte Veja Site Miséria
Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Saiba mais